Em Setembro de 1961, António Valente Pereira Cacho sócio fundador da Associação Bushidokan de Artes Marciais (A.B.A.M.), ingressa na Faculdade de Ciências de Grenoble em França onde conhece Tran-Huu-Há, seu Colega no Curso de Engenharia.

Em Outubro começa a praticar Karaté com Mestre Tran-Huu-Há no Judo Club du Dauphiné em Grenoble onde treinará assiduamente até 1965 e será graduado 1º Kyu (cinto castanho)

Regressa a Portugal em Setembro de 1965 e em Novembro desse ano começa pela primeira vez a dar aulas de Karaté no Club de Judo do Porto.

A sua primeira demonstração pública de Karaté acontece em Maio de 1966 no Palácio de Cristal onde decorre a Queima das Fitas do Porto.

Em Setembro de 1966 inaugura a sua primeira Escola, a “Academia de Artes Marciais Bushidokan do Porto” na Rua da Alegria nº 1714 - A, Hab.12 no Porto.

António Cacho é graduado 1º Dan (cinto negro) pela União Portuguesa de Budo no dia 11 de Fevereiro de 1967.

Os primeiros Estatutos para o Clube “Academia de Artes Marciais Bushidokan do Porto” foram criados no dia 6 de Março de 1967, sendo aprovados em 21 de Março de 1967 pela União Portuguesa de Budo por despacho exarado.

Em Agosto de 1969 foi certificada a graduação de 1º Dan ao Mestre António Cacho pelo Mestre Tetsuji Murakami (5º Dan Shotokai).

Em Novembro de 1969, realizou-se o 1º Estágio no Norte de Portugal, pelo Mestre Japonês Tetsuji Murakami responsável máximo do Karaté Shotokai na Europa.

Aproveitando a presença do Mestre Tetsuji Murakami, são inauguradas as novas instalações e Sede da Academia de Artes Marciais Bushidokan do Porto na Rua do Rio nº 572, agora designada Rua Dr. Eduardo Santos Silva nº 572 no Porto, onde a A.B.A.M. permanece até hoje.

O Mestre António Cacho é graduado 2º Dan no dia 1 de Setembro 1978 pelo Mestre Tetsuji Murakami sendo esta graduação reconhecida por diploma Japonês que foi assinado e certificado pelo Mestre Horonishi Motonobu.

A 18 de Janeiro de 1982, é fundada Associação Bushidokan de Artes Marciais - A.B.A.M., sendo o Mestre António Cacho o Presidente e Diretor Técnico da mesma, funções que desempenhou com dedicação e afinco durante longos anos.

A Associação Bushidokan de Artes Marciais - A.B.A.M., foi legalmente constituída, ao abrigo da legislação vigente sobre Direito Associativo como um organismo privado e sem fins lucrativos, e cujas raízes provêm do mais antigo Clube de Karaté do país, a “Academia de Artes Marciais Bushidokan do Porto”

É também nesta data que por deliberação conjunta da Direção e do Concelho Técnico fica estabelecida a possibilidade de serem criadas secções regionais noutros pontos do país (Bushidokan Gaia e Centro de Karaté-Do das Antas), bem como serem admitidos membros coletivos – Centros (Dojos) ou Uniões de Centros nomeadamente Grupo Fujiyama; Secção Regional do Sul; Secção Regional da Madeira e União Budokai Shotokai de Portugal.

Sempre ativa na dinamização do Karaté em Portugal a A.B.A.M. participa na constituição da Federação Portuguesa de Karaté em Agosto de 1983.

Nos anos seguintes e até meados de 2002 a Direção Técnica da A.B.A.M. fica sob a responsabilidade de Manuel de Sousa Alves.

Destacando-se constantemente na divulgação do Karaté a A.B.A.M. em conjunto com a Junta de Freguesia de Paranhos organiza e participa com a atuação dos seus alunos no 1º e 2º Festivais de Paranhos em Julho de 2002 e Julho de 2003 respetivamente. Contando com a participação de inúmeras organizações de Karaté os Festivais foram um sucesso que agradaram ao público em geral.

Em 2003 o Mestre António Cacho juntamente com o Presidente Adjunto Paulo F. Coelho Coutinho e o Diretor Técnico Domingos F. Carvalho Silva decidem separar a A.B.A.M. do grupo com quem sempre haviam trabalhado e cujo elo de ligação era o Mestre Hiruma.

Já em 2005 a Presidência da A.B.A.M. é assumida por Paulo F. Coelho Coutinho mantendo-se a Direção Técnica com o Mestre Domingos F. Carvalho Silva, o que acontece atualmente.

É por esta altura, mais precisamente em 2006 que a A.B.A.M. apresenta a sua candidatura ao Instituto Português da Juventude o que a torna ainda mais dinâmica e potencia o seu desenvolvimento.

Em 2007, dada a necessidade de um Consultor Técnico, o Mestre Domingos Silva inicia uma ligação com Mestre W. A. Schneider, fundador da AKSER Internacional - Association de Karaté Shotokai Egami Ryu®.

Começa assim uma nova etapa no Karaté e em particular na A.B.A.M. que agora pertencendo à AKSER - Portugal que, pertencente à AKSER Internacional, segue os princípios do Shotokai Egami Ryu.

Em Dezembro de 2007 realiza-se no Porto 1º estágio de Karaté Shotokai Egami Ryu (1º Estágio Internacional da AKSER Portugal) com a presença do Mestre W. A. Schneider.

Em Julho de 2010 o Mestre António Cacho foi homenageado pela Direção da A.B.A.M. num convívio que contou não só com a presença dos atuais Alunos da A.B.A.M. mas também com antigos Alunos, Karatecas de outras Organizações e outras personalidades ligadas a esta Arte.

É graças ao trabalho, empenho, altruísmo e gosto pelo Karaté de todos os que integram hoje ou já fizeram parte desta Associação que a A.B.A.M.- Associação Bushidokan de Artes Marciais conta já uma longa História.